Restaurant week: Angeline

O último restaurante que fui nesta edição do Restaurant week foi o Angeline. Estou tentando publicar este post o mais cedo possível no último dia do evento mas acho que não vai dar tempo de ajudar ninguém, haha!
Ele fica localizado em uma área cheia de pequenos restaurantes que parecem ser bons e que alimentam os trabalhadores das infinitas empresas instaladas na região. Logo, no sábado que fui, estava tudo tão vazio que dava até medinho!


Escolhemos com tranquilidade a mesa para sentar e fomos muito bem atendidos, do começo ao fim. Enquanto não estão ocupados, os garçons ficam parados em pé na ponta do salão, então era muito fácil chamar um deles. Na verdade nem precisamos fazer isso porque eles vinham na mesa assim que percebiam que acabamos o prato, por exemplo. No timing certo, sem parecer que estavam desesperados pela nossa saída.

Tudo que nos foi servido foi surpreendente! O couvert, composto de cestinha de pães italianos quentes e 3 pastas, era cortesia da casa e estava muito bom. Mais casas poderiam adotar esta prática, hein? Talvez o único inconveniente tenha sido a ricota, que estava um pouco seca e não parava em cima do pão, hehe.


Para abrir os trabalhos do menu RW, todos da mesa escolheram o crepe de cogumelos. Sensacional, embora eu seja suspeita para dizer algo porque amo cogumelos, hehe. A massa era fina, o recheio estava na quantidade certa (nem muito para transbordar, nem pouco para sentir falta); simples porém bem executado. Uma senhora entrada!


Como a esta altura dos acontecimentos eu já estava relativamente alimentada, escolhi a opção mais leve: Pescada branca ao molho Nemours com espaguete à Florentina. Este tal molho Memours era molho branco com alcaparras, salsinha, vinho branco e limão; enquanto o espaguete tinha espinafre, cebola, pimentão vermelho, azeite e parmesão. Realmente era um prato muito leve, mas que ao mesmo tempo acabou de estufar meu estômago, haha! A porção era bem servida, macarrão al dente, peixe bem molinho. Para o meu padrão não saudável, estava faltando um pouco de sal, mas provavelmente a intenção era justamente essa. Mesmo assim não faltou sabor e alegria ao prato.


A segunda opção era totalmente oposta: Peito de frango a oda de Siena com pene Allá Puttanesca. Sim, filé de frango também não é lá muito pesado, mas o sabor estava muito mais forte. No frango ia cebola, azeite, rodelas de alho (hooo!), orégano, tomilho, molho de pimenta, salsa picada e sal; e no pene alho, aliche, azeitona preta e alcaparras. Estes dois últimos ingredientes juntos carregaram o prato inteiro! Não que fosse ruim, mas provavelmente eu não conseguiria comer tudo.


A única e maior decepção do almoço foi na sobremesa. O critério que nos levou ao Angeline foi justamente este porque queríamos muito experimentar o mousse dois limões... e ele havia sido retirado do cardápio! O motivo pelo menos foi nobre: muitos clientes reclamaram que era muito azedo e eles o substituíram por sorvete de creme com calda de frutas vermelhas. Isso só me faz pensar o quão bom esse mousse era, AAAAA~! Puxa vida, você pede um mousse com esse nome e não queria que fosse azedo? E ainda acaba com a minha alegria por nada? Se você foi uma dessas pessoas que reclamaram, saiba que estou jogando uma praga em você neste momento, hehehehe.

Ufa, desabafei. Voltando ao assunto, pedi o tal sorvete e ainda bem que ele era bem simples porque eu quase não consegui comê-lo. Poderia ter muito, mas muito mais calda para compensar a ausência do mousse.


Meus amigos pediram o folhado de abacaxi, que era bem mais interessante: massa folhada com chantilly, pedaços e calda de abacaxi e sorvete de creme. Poderia estar muito bom e bonito, mas não apagou as marcas da frustração.


Mesmo com tanta tristeza no olhar, adorei o almoço, o lugar e a conta, que foi pra lá de justa. Um retorno é muito difícil por causa da localização, mas fica a dica para quem trabalha por ali! Outra dica de ouro: faz parte do Grubster.

Ficha feliz:
  • Satisfação da gordinha: saiu rolando feliz e jogando pragas 
  • Preju: R$37,00 (RW + ação criança + bebida + 10%)
  • Unidade visitada:
    • Avenida Nova Independência , 30 - Itaim Bibi, perto da Berrini
    • (11) 2638-5737
    • angeline.restaurante@gmail.com
  • Horário de funcionamento:
    • Segunda à sábado, das 11:40 às 23:00 
    • Domingo, das 12:00 às 17:00
  • Site para maiores informações: http://www.angelinerestaurante.com.br

Comentários

Postar um comentário